sexta-feira, 27 de setembro de 2013 | By: Beatriz Santos Gonçalves

Só não se perca ao entrar no meu infinito particular...

"Eis o melhor e o pior de mim

O meu termômetro, o meu quilate
Vem, cara, me retrate
Não é impossível
Eu não sou difícil de ler
Faça sua parte
Eu sou daqui, eu não sou de Marte
Vem, cara, me repara
Não vê, tá na cara, sou porta bandeira de mim
Só não se perca ao entrar
No meu infinito particular
Em alguns instantes
Sou pequenina e também gigante
Vem, cara, se declara
O mundo é portátil
Pra quem não tem nada a esconder
Olha minha cara
É só mistério, não tem segredo
Vem cá, não tenha medo
A água é potável
Daqui você pode beber
Só não se perca ao entrar
No meu infinito particular"


(Meu Infinito Particular - Marisa Monte)



Pois é Galera, sumi mais uma vez...
Como havia dito antes, estava sem pc, e ficar postando do tablet não tava rolando, então...
Agora estou com meu computador de volta, posso voltar a publicar aqui mais vezes...

Eu amo essa música, muitos sabem que eu tenho o infinito tatuado no pulso, não por modinha, mas sim pelo significado que ele tem pra mim... Cresci lendo 'Calvin & Haroldo', e nunca me esqueci da seguinte frase "QUANDO A GENTE OLHA PRO INFINITO, A GENTE LEMBRA DO QUE É MAIS IMPORTANTE", e essa foi UMA DAS razões de tê-lo tatuado...

Enfim galera,
Vamos ver se agora eu não sumo mais... rsrsrsrsrs

Beijokas _o/

0 comentários:

Postar um comentário