sexta-feira, 30 de julho de 2010 | By: Beatriz Santos Gonçalves

Isso o tempo apagará também.

"Infernos. Mistérios. Impérios.
Verdade. Coragem. A imagem
Que vejo no espelho da alma,
Assim como a dor, que corta minh’alma e ao peito...
Isso o tempo vai apagar também.

Alegrias. Nostalgias. Dia-a-dias.
Lembranças. Cobranças. As Vinganças
Que vejo mundo da realidade,
Assim como o sonho, que acalenta minh’alma e ao peito...
Isso o tempo apagará também.

Assim como o medo.
O desespero. A tempestade.
A unidade. Todo o dia.
Os meus espinhos, e o frio que eu sinto.
Isso o tempo irá mudar também."
(O tempo - Beatriz Santos Gonçalves)


Escrevi esse texto hoje...
Pensando em tudo o que eu passei ontem..

Depois de pronto cheguei a pensar em não publicá-lo.. Mas como disse Carlos Estevez, 'a tristeza faz parte da vida, logo da poesia também'..

Acredito que por hoje seja só.. Mas escrevendo mais algo, ou achando algum texto bacana por aí eu publico aqui!
Beijocas pessoal!
Fui-me! _o/
quinta-feira, 29 de julho de 2010 | By: Beatriz Santos Gonçalves

As diferenças tornam a vida mais bonita e colorida.

"Amor não se implora, não se pede não se espera...

Amor se vive ou não.

Ciúmes é um sentimento inútil. Não torna ninguém fiel a você.

Animais são anjos disfarçados, mandados à terra por Deus para mostrar ao homem o que é fidelidade.

Crianças aprendem com aquilo que você faz, não com o que você diz.

As pessoas que falam dos outros pra você, vão falar de você para os outros.

Perdoar e esquecer nos torna mais jovens.

Água é um santo remédio.

Deus inventou o choro para o homem não explodir.

Ausência de regras é uma regra que depende do bom senso.

Não existe comida ruim, existe comida mal temperada.

A criatividade caminha junto com a falta de grana.

Ser autêntico é a melhor e única forma de agradar.

Amigos de verdade nunca te abandonam.

O carinho é a melhor arma contra o ódio.

As diferenças tornam a vida mais bonita e colorida.

Há poesia em toda a criação divina.

Deus é o maior poeta de todos os tempos.

A música é a sobremesa da vida.

Acreditar, não faz de ninguém um tolo. Tolo é quem mente.

Filhos são presentes raros.

De tudo, o que fica é o seu nome e as lembranças a cerca de suas ações.

Obrigada, desculpa, por favor, são palavras mágicas, chaves que abrem portas para uma vida melhor.

O amor... Ah, o amor...
O amor quebra barreiras, une facções, destrói preconceitos, cura doenças...
Não há vida decente sem amor!

E é certo, quem ama, é muito amado.

E vive a vida mais alegremente..."
(Coisas que a vida ensina depois dos 40 - Artur da Távola)
terça-feira, 27 de julho de 2010 | By: Beatriz Santos Gonçalves

Em pensamento, deliro.

"Penso. Penso. Penso.
Paro, e penso novamente.
Passo o dia todo a pensar.
Planejo, planejo e re-planejo.
Torno a pensar e re-planejar.

Passo, penso, faço.
Sigo meus dias a planejar.
Idéias e mais idéias me surgem.
Rio, choro, sofro.
Em pensamento, deliro.

Mudo, remexo, reviro.
Paro, e torno a pensar.
Idéias. Idéias me fogem.
Idéias surgem.
Idéias. Penso e começo a questionar.

Pensamento, pensativa.
Um ser pensante.
Inconstante, criativa.
Erro, paro, penso, acerto.
E novos pensamentos me surgem.

Idéias. Idealizar.
Um mundo novo em pensamentos.
Sonhos, desejos, inspirações.
Frustrações, decepções.
Paro, re-penso.

E sigo por aí a pensar..."

(Pensamento - Beatriz Santos Gonçalves)


Cara eu estive pensando..
Céus, eu penso até demaaais! rsrsrsrsrssrsrs
Mas tudo bem, faz bem, aguça a mente, ativa a curiosidade...
É fato, eu penso.. E por muitas vezes de tanto pensar não durmo.
Não consigo calar meu cérebro.
Enfim, no momento é só. (Antes que eu pense em mais algo)
Beijocas pessoal!
Fui-me!_o/
segunda-feira, 26 de julho de 2010 | By: Beatriz Santos Gonçalves

E isso é uma história de amor, sim...

"Tão jovens na primeira vez que nos vimos. Faz tanto tempo, que eu sequer lembrava.
Livros, muitos livros. Eu me lembro... Palavras e mais palavras acompanhavam e acalentavam meu dia-a-dia.
Romances e mais romances lidos...Um tanto de Shakespeare e Camões...
Cresci, mudei. Desacreditada em amores, achando que apenas existiam nos romances lidos na biblioteca, nos intermináveis recreios de minha 5ª série...
Romeu & Julieta. Não, eu não me refiro à trágica história de um amor que nasceu em meio a famílias que se odiavam...


[Ai céus, quanto drama... Er, okay.. menos trágico..
Bendita alma de artista...]


Sim, éramos jovens na primeira vez que nos vimos... Mas se fechar os olhos eu ainda lembro de minha 5ª série...
Lendo livros de Shakespeare "escondida" em meios as prateleiras de economia e história... E por muitas vezes você esteve lá...
Anos, oito anos se passaram desde então...
Diferentes... Iguais...
Torcidas adversárias...
Romeu & Julieta, barreiras a serem vencidas... Mas dessa vez sem mortes, em busca de enfim um final feliz.

O amor é difícil, mas é real...
E isso é uma história de amor, sim... "

(Romeu & Julieta - Beatriz Santos Gonçalves)


Essas férias estão um bocado agitadas...
Tá difícil atualizar aqui.. =/
Maaas tudo bem...
Terminei agora o texto, comecei a escrever ontem depois de um clássico histórico no engenhão 'Botafogo x Fluminense'... Realmente histórico, a alvinegra e o tricolor...
É, acho que já deu pra ter uma idéia de como pode ter sido.. ^^'

Enfim.. espero que tenham gostado..
Quando der eu volto, se sair mais alguma coisa eu publico =)
No momento é só!
Beijocas!
Fui-me!_o/