quinta-feira, 15 de abril de 2010 | By: Beatriz Santos Gonçalves

Fazer aniversário é saber que só se nasce uma vez e que por isso a oportunidade de viver é única...

"Fazer aniversário é ter a certeza de que ao menos uma vez ao ano a vida será vista de uma maneira diferente.
Fazer aniversário é brincar de crescer e quem sabe mais tarde virar "gente".
É sorrir sem ter motivo ou chorar pela mesma coisa.
É ter de novo a certeza de que os sonhos ainda poderão se realizar.
É reconhecer que amigos se importam com a sua importância.
É contar o tempo que se viveu e o que se deixou de viver.
É luz na escuridão.
É lembrar da vitória de um dia ter sido embrião.
É aprender a valorizar o tempo.
É contar com a presença dos ausentes.
É tornar novo o que se fez velho.
É fazer do novo o sempre.
Enfim,fazer aniversário é contar, os minutos, as horas os dias meses e anos,e muito mais que tudo isso,
Fazer aniversário é saber que só se nasce uma vez e que por isso a oportunidade de viver é única e isso torna o valor da vida sem valor, porque Fazer aniversário é viver sem preço, mas viver feliz."
(Lyndcey Lee)
quarta-feira, 14 de abril de 2010 | By: Beatriz Santos Gonçalves

Que sonhar é preciso e procurar realizar esses sonhos é ainda mais necessário...

"Aprendi que se aprende errando;
Que crescer nao significa fazer aniversário;
Que o silencio às vezes é a melhor resposta;
Que amigos conquistamos sendo nós mesmos;
Que os verdadeiros amigos estao conosco até o fim;
Que nao se espera a felicidade chegar,mas se procura ela;
Que quando penso saber tudo,ainda nao aprendi nada;
Que a natureza é uma das coisas mais perfeitas na vida;
Que amar significa se dar por inteiro;
Que apenas um dia pode ser mais importante do que muitos anos;
Que se pode conversar com as estrelas;
Que se pode confessar com a lua;
Que se pode viajar além do infinito;
Que sonhar é preciso e procurar realizar esses sonhos é ainda mais necessário;
Que se deve ser criança a vida toda.
Que nosso ser é livre!!!
Que Deus nao proibe nada em nome do amor;
Que o julgamento alheio nao é importante;
Que o que realmente importa é a paz interior".
(Bladinne)


Eu sumi por uns dias.. é, eu sei... -___-
Mas meu pé tem me incomodado um bocado, e meu niver tá chegando.. ^^
Eu gosto desse texto, é um texto muito verdadeiro, e realista...

Enfim, hoje sem muitas palavras, meu pé realmente tá me apurrinhando...
Estou atualizando mesmo pra não deixar aqui abandonado, espero que compreendam...

Beijinhos à todos!
Fui-me _o/
domingo, 11 de abril de 2010 | By: Beatriz Santos Gonçalves

O seu dia mais agradável foi quando aquela pessoa, que te arranca um riso tão sincero que quase engolimos as orelhas, mudou o seu dia singelamente...

“A felicidade se encontra nas coisas mais simples da terra... Os seus momentos mais felizes certamente foram os menos planejados...
Seja andando no calçadão da praia, que quando você se distrai, de tão agradável estava o papo, já andou mais do que deveria... Seja rindo dentro de uma van, quase atolando na lama, criando formas de contornar os problemas... Ou seja apenas sentando no chão da sala, comendo pizza e jogando conversa fora...
O seu riso mais sincero foi no momento mais simples, e menos planejado... O seu dia mais agradável foi quando aquela pessoa, que te arranca um riso tão sincero que quase engolimos as orelhas, mudou o seu dia singelamente...
Valorize os momentos simples, pois eles serão os mais lembrados durante a sua vida... Sorria!! Improvise!! Pois são com pequenos detalhes que criamos a felicidade no dia-a-dia...”

(Felicidade Inusitada - Beatriz Santos Gonçalves)

Gente falei que ia publicar dois textos mas vou ficar devendo um...
Meu pé tá me incomodando um bocado, e eu estou bem cansada e querendo dormir...
Espero que gostem desse texto, eu escrevi ele quando estava em Minas, e como conta mais sobre mim do que realmente devia, tem um grande significado..

No momento é só, continuem indicando textos, eles são muito bem-vindos.. ^^
Boa noite a todos!
Beijinhos!
Fui-me!_o/

Nem mesmo a verdade há tanta suavidade em nada se dizer e tudo se entender...

"Não digas nada!
Nem mesmo a verdade
Há tanta suavidade em nada se dizer
E tudo se entender -
Tudo metade
De sentir e de ver...
Não digas nada
Deixa esquecer

Talvez que amanhã
Em outra paisagem
Digas que foi vã
Toda essa viagem
Até onde quis
Ser quem me agrada...
Mas ali fui feliz
Não digas nada. "
(Não digas nada - Fernando Pessoa)


O Texto de hoje é uma indicação de Matheus, então Seixas, esse post é "seu"!

Eu gostei do texto, diz mais do aparenta para quem consegue entender...
As vezes o silêncio nos acalma mais do que uma palavra, confessa um sentimento que escondemos, ou apenas não conseguimos colocar em palavras.. As vezes ele mesmo fere mais do que a mais dura calúnia, e as vezes é o que mais precisamos... Não dizer nada, e deixar que o próprio silêncio se encarregue de mostrar aquilo que você realmente quer (ou não) saber...

Bem, tive um dia muito divertido.. Tirando o meu pé queimado que resolveu descamar de vez... =/
Desculpe-me o sumiço... tava realemnte cansada esses dias, mas publico pelo menos mais dois textos hoje!

No momento é só pessoal!
Beijocas!
Fui-me!_o/