sábado, 24 de abril de 2010 | By: Beatriz Santos Gonçalves

São teus filhos que devagarinho abandonam a tua causa..

"Todo dia bem cedinho,
Vejo um homem indo sozinho
Correr atrás do sol..

Pessoas falando de guerra,
Da alegria e da tristeza..
Mas ninguém fala da natureza..

Esqueceram de Deus e do amor,
Todos apenas pensam em dinheiro
Essa é a minha dor...

Óh minha mãe natureza!
Esqueceram de ti, e da tua riqueza..
São teus filhos
Que devagarinho abandonam a tua causa..

Mas vejo todo dia bem cedinho,
Correndo atrás do sol...
Um pobre homem sozinho!"
(Beatriz Santos Gonçalves - Natureza Amiga)


So estou postando esse texto porque Matheus me insistiu muito pra colocá-lo...
Foi a minha primeira poesia, a primeira coisa que eu escrevi aleatóriamente..
Eu tinha 10 anos, e com ele ganhei uma medalha de 5º lugar na 4ª série (hoje 5º ano) e um troféu na 5ª série de 3º lugar numa competição de poesia...

Posso dizer que ela marcou a minha vida como a primeira palavra que eu disse... Depois dela nunca mais parei de escrever (e como diz minha mãe... sou uma vitrola quebrada, arranhanda e desregulada daquelas! rsrsrsrsrsrsrs)...

Eu espero que tenham gostado, e peço desculpas pelo dois textos que fiquei devendo na quinta...
Realmente eu os perdi =/
Devo postar mais alguma coisa ainda hoje...

Então daqui a pouco eu volto..
Beijinhos à todos!
Fui-me!_o/

1 comentários:

Matheus Seixas disse...

"A semana inteira fiquei esperando..
pra te ver sorrindo.. (...)
quando a gente ama não pensa em dinheiro só se quer amar!"

Postar um comentário